quarta-feira, 26 de junho de 2013

Óia eu aqui de novo!

Pensaram que tinham se livrado de mim? Pensaram que eu tinha trocado o buzu pelo helicóptero? Pensaram que nunca mais eu ia dar o ar da graça? Necas de pitibiribas! Estou aqui, euzinha, linda e magra, para alegrar o dia de vocês, meus queridos leitores, minhas queridas leitoras. É verdade que eu tenho isso de sumir de vez em quando, no entanto, dessa vez, a coisa foi quase tão séria, a ponto de eu tirar o blog do ar. Mas após milhares de e-mais, telefonemas e sinais de fumaça achei melhor não decepcionar meus lindos e queridos fãs e voltar para o mundo cibernético com toda essa elegância, esse bom humor e a essa modéstia, que nunca me abandona, que vocês já conhecem. Rá!

A verdade verdadeira é que eu não tenho andado de buzu com frequência. Agora estou morando perto do trabalho, cinco minutos de caminhada. Olha só que delícia! Em compensação, estou ilhada no meio dessa Paralela de meu Deus e, para todo o resto, tenho que enfrentar essa maravilha que é o transporte público de Salvador. Livrei-me do engarrafamento diário e perdi o privilégio de receber cantadas lindas das pessoas educadas que transitam pelas ruas da cidade. Quer dizer, mais ou menos, porque, no trajeto até o trabalho, os seguranças do Serpro e da Caixa Econômica já gostam de assoviar para mim e todas as outras cocotinhas que passam por eles. Pelo menos, né?

Apesar de não estar indo de buzu para trabalhar, os looks não mudaram. Continuo tendo que optar pelas rasteiras, saiões sem arrastar no chão, minhas calças jeans e todas aquelas roupas que vocês já estão carecas de saber que eu uso, porque eu continuo subindo e descendo ladeira esburacada e pisando em poças d'água. Qualquer dia eu tiro uma foto do trajeto para vocês verem delícia que é.

Cabelinhos oleosos ao vento, fui!


A blusa laranja, que daqui a pouco vai criar pernas e sair andando sozinha, de tanto que eu tenho usado a bichinha, por cima do vestido, para esconder as curvas por ele delineadas. Na repartição, não pegaria bem.
(clique na foto para ampliar)

Olha Xanin fugindo dos flashes. Ele detesta exposição na mídia
(clique na foto para ampliar)
 Biquinho, para mostrar o quanto sou sexy
(clique na foto para ampliar)
 Olha o piu piuô, pitulitô!
(clique na foto para ampliar)

Um comentário:

  1. heheheh...some mais não..ahah
    Bjux, Jell!
    www.urbanoeretro.com.br

    ResponderExcluir